Revista de Crioulos de Base Lexical Portuguesa e Espanhola
ISSN 1646-7000

Volume 7 (2017)

António Joaquim Ribeiro - o primeiro informante de Schuchardt em Cabo Verde

Jürgen Lang

Este estudo debruça-se sobre sete cartas enviadas por António Joaquim Ribeiro a Hugo Schuchardt, entre 1881 e 1883, nas quais fornece informação acerca do dialeto crioulo da Ilha de Santiago (Cabo Verde) – cartas previamente publicadas pela linguista portuguesa Nélia Alexandre e pelo autor na página web do Hugo Schuchardt Archiv de Graz, Áustria. O artigo aborda a identidade de António Joaquim Ribeiro, os tipos de materiais que enviou a Schuchardt, a razão pela qual a correspondência entre Schuchardt e Ribeiro parou abruptamente em Janeiro de 1883, e ainda que informação valiosa sobre o estado da variedade de Santiago do crioulo caboverdiano é possível extrair das cartas e materiais de Ribeiro. Com respeito à última questão, defende-se que, por qualquer métrica disponível para o autor, Ribeiro parece ter tido um excelente domínio do crioulo de Santiago e que, por isso, devemos interpretar eventuais discrepâncias entre o que escreveu e o que agora sabemos sobre a variedade de Santiago como indicações de mudança linguística e não como erros, avançando exemplos ilustrativos que sustentam esta linha de argumentação.


Palavras-chave: António Joaquim Ribeiro, Hugo Schuchardt, António de Paula Brito, Joaquim Vieira Botelho da Costa, Custódio José Duarte, Crioulo cabo-verdiano, variedade de Santiago.

Download [pdf]